CURSOS DE FORMAÇÃO

Ser Brincante em qualquer lugar

Nossos cursos são para os projetos “Jogos do Mundo“, “Espaço de Interações Lúdicas (Brinquedotecas)” e “Gestor de Desafios“, com cargas horárias que variam de 4 a 16 horas, voltados ao público educacional, terapeutico e organizacional.

Temos quatro modelos de atendimentos para formações:

Ψ Presencial "in loco"

Atendimento feito no espaço do cliente, com grupos de 20 a 50 pessoas. Temos diferentes módulos abordando conteúdos relevantes do universo lúdico, relacionados logo abaixo.

Ψ Presencial na Oficina do Aprendiz

Circuito de Experiências lúdicas, oferecido para grupos de profissionais, estudante e curiosos. A atividade ocorre durante 4 horas, em um processo de imersão no universo lúdico da Oficina do Aprendiz.

Ψ Consultoria

Atendimento individualizado conforme os objetivos do cliente. Atendemos profissionais que usam recursos lúdicos em contexto de intervenção específico e precisam auxílio profissional. Seja no processo de escolha das ferramentas ou no aprendizado da mediação de jogos e brinquedos.

Ψ Curso virtual

O curso feito a distância, conforme condições de estudo do cliente. Trabalharemos com materiais e dinâmicas próprias para o ambiente educacional, terapêutico e organizacional.

Os valores variam conforme o modelo de atendimento escolhido. A agenda precisa ser definida com pelo menos um mês de antecedência.

Jogos do Mundo

Podemos definir o jogar por uma atividade que o homem desenvolve e realiza como fator de equilíbrio psicológico. Em nível individual, ao equilibrar estados subjetivos, e nível social, ao despertar relacionamentos positivo com outras pessoas.

Muitas habilidades são desafiadas na prática de jogos. Podemos citar a resolução de problemas, a criatividade, a memória de trabalho, a comunicação, emoções, percepções e outros processos comportamentais, cognitivos e sociais.

A utilização de jogos com o objetivo de alcançar tais competências ainda é tímida nos espaços educacionais. Não existem fórmulas precisas nem são necessárias mudanças radicais; o que é imprescindível é usar recursos para o aprendiz aprender a aprender. Condição que, uma vez alcançada, torna-se “propriedade” que ninguém mais pode tirar.

OBJETIVO: Oferecer condições para implementação de projetos com jogos do mundo.

Gestor de Desafios

As organizações convivem com um conjunto crescente de desafios face às novas circunstâncias experimentadas pela sociedade, pelos clientes e pelos colaboradores.

O contexto exige o uso de abordagens inovadoras, o aprimoramento das capacidades e o desenvolvimento de novas competências. Assim, pode-se aumentar produtividade e manter os níveis de qualidade que satisfaçam os desejos e necessidades dos envolvidos.

Neste curso, nosso objetivo é utilizar jogos e desafios para aprender novos comportamentos próprios aos processos experimentados na rotina organizacional.

Os jogos são uma rica ferramenta de desenvolvimento pessoal. O desafiado busca a solução de um problema individual ou coletivo, respeitando as etapas envolvidas. Competências como controle da ansiedade, planejamento, comunicação interpessoal, tomada de decisão e liderança são requeridas.

OBJETIVO: Experimentar decisões estratégicas a partir do exercício de jogos e desafios, frente as demandas organizacionais.

Espaços de Brincar

Em um mundo cada vez mais complexo e competitivo, o momento da infância, de brincar saudável, tem sido encurtado. O ser brincante tem tido seu brincar reduzido à primeira infância (primeiros anos) e a poucos espaços.


Basta observar ambientes que frequentamos, como as ruas (cercadas de prédios e carros), restaurantes, condomínios e até clubes.

Os espaços para as crianças existirem de forma integral são limitados. Destes, o que tem se popularizado é a brinquedoteca – ou como preferimos chamar “espaço de interações lúdicas” – cada vez mais exigido pelas famílias que se preocupam com o bem estar e desenvolvimento natural de seus filhos.

O Espaço de Interações Lúdicas da Oficina do Aprendiz parte de concepções práticas e teóricas.

Ambas caminham na direção de oferecer condições favoráveis para ser brincante. Assim, os ambientes promovem as condições básicas para isso, em especial aos comportamentos de flow (imersão), espontaneidade e imaginação. Nosso curso de formação é para profissionais que querem repensar suas práticas junto ao brincar, seus espaços e materiais.

OBJETIVO: Explorar nichos de brincar e suas potencialidades no processo de recreação, lazer e aprendizagem.